Celebração das Cinzas terá mudanças em seu rito


Papa Francisco em celebração das Cinzas (Imagem: Vatican Media)
Papa Francisco em celebração das Cinzas (Imagem: Vatican Media)

Alterações são medidas de prevenção em meio à pandemia do Covid-19

[Eduardo Honorato Paulo, 13/01/2021] A atual crise sanitária causada pelo corona vírus tem afetado a rotina de todas as pessoas ao redor do mundo e a liturgia das celebrações não ficou de fora. A quaresma – que se inicia na quarta feira de cinzas no dia 17 de fevereiro, terá algumas alterações em seu rito, de acordo com a nota da Congregação para o Culto Divino:

“Feita a oração de bênção das cinzas e depois de as ter aspergido com água benta sem dizer nada, o sacerdote, voltado para os presentes, diz uma só vez para todos a fórmula que se encontra no Missal Romano: ‘Convertei-vos e acreditai no Evangelho’, ou ‘Lembra-te que és pó da terra e à terra voltarás’.”

Prossegue a nota: “o sacerdote lava as mãos, coloca a máscara protegendo o nariz e aboca, e impõe as cinzas a todos os presentes que se aproximam dele, ou, se for mais conveniente, aproxima-se ele do lugar daqueles que estão de pé. O sacerdote pega nas cinzas e deixa-as cair sobre a cabeça de cada um, sem dizer nada”.

Anterior 19/01 - Santo Odilo
Próximo Encontrado objeto de 1400 anos com citação à Maria