Novena a São José: Dia 4

Saudação

Hoje, quarto dia da nossa novena, São José foi um pai que acolheu Maria e assumiu a paternidade de Jesus. Mesmo sabendo de todas as dificuldades,  não os desamparou.

Peçamos a Deus, a capacidade de acolher a quem Ele coloca em nossas vidas e a todos que precise de ajuda e proteção.

Iniciemos nosso encontro em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.

Todos: Amém!

Reflexão: São José foi exemplo para aqueles que assumem uma família com o coração, movidos pelo amor, que se deixam ser conduzidos pela vontade de Deus e que entendem que o laço mais forte é do amor.

Evangelho

Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 18,9-14

Naquele tempo: Jesus contou esta parábola
para alguns que confiavam na sua própria justiça
e desprezavam os outros:
Dois homens subiram ao Templo para rezar:
um era fariseu, o outro cobrador de impostos.
O fariseu, de pé, rezava assim em seu íntimo:
‘Ó Deus, eu te agradeço
porque não sou como os outros homens,
ladrões, desonestos, adúlteros,
nem como este cobrador de impostos.
Eu jejuo duas vezes por semana,
e dou o dízimo de toda a minha renda’.
O cobrador de impostos, porém, ficou à distância,
e nem se atrevia a levantar os olhos para o céu;
mas batia no peito, dizendo:
`Meu Deus, tem piedade de mim que sou pecador!’
Eu vos digo:
este último voltou para casa justificado, o outro não.
Pois quem se eleva será humilhado,
e quem se humilha será elevado.’

Palavra da Salvação.

Preces

Peçamos a todos aqueles que possuem a coragem de acolher, independente da história da pessoa, que recebam de Deus o afago em seus corações;

Peçamos por todos nós, para que possamos enxergar Cristo em nosso irmão e o acolher de coração;

Peçamos por todos aqueles que injustamente foram humilhados e colocados a margem da sociedade, que encontrem um coração que os acolham.

Bênção

Senhor nosso Deus, abençoe aqueles que entenderam que acolher a quem precisa, é acolher a ti e a todos nós para que tenhamos este coração que acolhe e que não julga.

Pai-nosso… Ave-Maria… Glória-ao-Pai…

Estivemos unidos e reunidos, em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.

Todos: Amém.

Bendigamos ao Senhor!

Todos: Graças a Deus!

Anterior Quaresma: Tempo de seguir em frente
Próximo 13/03 - Santa Eufrásia